O que aconteceu no primeiro dia do INBOUND 2016 em Boston

  1. SOBRE O EVENTO

 

O INBOUND 2016, evento que está acontecendo essa semana em Boston e que retrata as principais tendências de marketing, vendas e negócios, começou ontem em alto estilo.

 

Além da grandiosidade do evento em si, com a presença de 19 mil pessoas vindas de 92 países, o evento contará com 240 palestrantes, entre eles gente do calibre de Alec Baldwin, ator indicado ao Oscar pelo seu papel em ‘The Cooler’ e também de Reshma Saujani, fundadora da instituição ‘Girls Who Code’ e uma das 50 mulheres mais influentes do mundo na lista da revista Forbes.

 

Abaixo os principais highlights do primeiro dia, que aconteceu ontem, 08/11.

 

2. ABERTURA COM GARY VAYNERCHUK

 

O evento começou com a abertura de Gary Vaynerchuk, empresário, investidor, showman, vlogger e fundador da Vayner Media, uma das principais agências digitais da atualidade com 750 funcionários.

 

“No more excuses, let`s do it”

 

Gary falou bastante sobre o momento em que estamos vivendo e sobre a vastidão de oportunidades que temos em nossas mãos. Ele chamou esse momento de “greatest era of communication”, e de um modo geral reforçou uma tendência que já estamos acompanhando há mais de uma década: o digital chegou timidamente, cresceu aos poucos até chegar ao momento atual, e finalmente se tornou imprescindível para a estratégia de qualquer negócio, seja ele B2B ou B2C.

 

3. AS SUAS PRINCIPAIS APOSTAS PARA O MERCADO DE COMUNICAÇÃO E INBOUND

 

Entre as principais apostas de Gary, além do consagrado SuperBowl, que continua sendo a principal plataforma de comunicação para anunciantes que tenham alguns milhões de dólares para investir, vem o Facebook com seu formato de anúncio em vídeo (e aqui o fator ‘criatividade’ continua sendo o grande diferencial de acordo com ele). Ainda sobre o Facebook, Gary se arriscou a fazer uma previsão que chamou bastante a atenção da audiência presente no evento: um aumento exponencial do CPM do Facebook nos próximos 03 anos, algo na ordem de 600%.

 

Em outras palavras, boa parte dos US$80 bilhões que ainda são investidos anualmente nas grades de televisão americanas vão migrar rapidamente para as plataformas digitais como Facebook, além de outras como Snapchat, Youtube etc. Isso porque todo o mercado está despertando em conjunto e entendendo que a maneira de se comunicar agora é diferente do que sempre fizeram até então.

 

4. SEGMENTOS QUE NÃO SE REINVENTARAM E PERDERAM RELEVÂNCIA COMPETITIVA

 

Ao final, ele levantou uma reflexão que eu particularmente já venho discutindo com nossos clientes e parceiros há algum tempo, e que diz respeito a estratégia de longo prazo Vs curto prazo. A grande maioria das empresas está preocupada somente com o curto prazo, sem perceber as macro tendências que estão surgindo e fazendo com que boa parte dos negócios tenham que se reinventar.

 

A conclusão dessa reflexão, de acordo com Gary, é que quem deveria estar inventando empresas como Air Bnb, Uber e WhatsApp, por exemplo, são os players que lideram estes segmentos e não um jovem universitário que ainda nem se formou (para não dizer os que ainda estão no colégio). O que estava planejando a rede de hotéis Marriot enquanto o Air Bnb já era uma demanda latente? Claramente não entenderam ou visualizaram essa oportunidade surgindo e ficaram para trás.

 

symbol

 

Outro dia estava conversando um uma amiga que trabalha vendendo seguros de carros, e, na minha opinião, esse é um dos próximos setores que deve sofrer as consequências do que está sendo chamado “Uberization”, ou seja, modo ‘Uber’ de se pensar um negócio. Existe alguma inovação para facilitar o procedimento dos clientes quando estes precisam acionar o seguro em situações de emergência?

 

Algum outro serviço de valor agregado que faça sentido para o contexto carro/trânsito/etc.? Pois é, não tenho visto nada disso aparecendo ainda, mas em algum lugar não muito distante já deve ter alguém pensando em solucionar estas questões e começar a brigar diretamente pelo mercado com as grandes seguradoras e corretoras de seguro.

 

E você, já pensou para aonde o seu negócio deveria estar caminhando? Que tipo de soluções alternativas ou complementares o seu consumidor está buscando e que você deveria estar preparado para atender?

 

Essa semana vamos continuar cobrindo o INBOUND 2016 e trazendo as principais palestras e tendências abordadas no evento. #inbound16

 

Você pode acompanhar o evento também pelo Facebook.

Felipe Zorzi About the author

Parcerias e Gerenciamento de Projetos

Comments:
  • janeiro 4, 2017 at 2:18 pm